DIRECTOR: JORGE LEMOS PEIXOTO  |  FUNDADOR: JOAQUIM LETRIA

Fim de linha para o ‘folhetim’ das obras ilegais na casa de Ana Gomes. Implacável, a Câmara Municipal de Sintra não foi em cantigas e deu 10 dias à antiga eurodeputada para demolir as ilegalidades existentes na sua casa da Azóia, em plena Serra de Sintra, propriedade que a comentadora da SIC tentou vender, ainda há dois anos, por 2 milhões de euros. Após meses a tentar empurrar com a barriga um desenlace mais do previsível, Ana Gomes vê-se agora obrigada a cumprir o despacho da autarquia sintrense, sob pena do camartelo avançar sobre a sua mansão. Mas o Tal&Qual desta semana conta-lhe também como o juiz Carlos Alexandre meteu a pata na poça nas escutas telefónicas feitas no âmbito de uma investigação a uma rede de narcotráfico, e como inevitavelmente os portugueses não-fumadores vão pagar mais impostos se for aprovada a ‘Lei Pizarro’ sobre a venda e consumo de tabaco. E veja também como o T&Q ‘apanhou’ Francisco Pinto Balsemão a entrar para a reunião do exclusivo e secreto Clube de Bilderberg, que no fim-de-semana passada teve lugar em Lisboa.